quinta-feira, 29 de setembro de 2016

FABAM

Publicamos hoje mais um fruto da colaboração com José João Peixoto Moura: um texto sobre a FABAM, mais uma empresa portuguesa que comercializou objectos de escrita.


Por serem escassas as informações, fotografias e quaisquer outros materiais sobre estas marcas de objectos de escrita pedimos aos nossos leitores que nos enviem toda a informação que possam ter sobre este assunto e que queiram partilhar connosco e com o nosso autor convidado para objectosdeescrita@gmail.com. O Objectos de Escrita garantirá o reencaminhamento de qualquer informação, documento ou material para o autor dos textos para que este possa continuar o seu valioso trabalho de pesquisa e documentação da história dos objectos de escrita nacionais.

FABAM

A FABAM foi fundada por Zeferino Artur Mendes Leal por volta de 1940. Produziu aparos durante onze anos aproximadamente, altura em que teve de diversificar a produção da sua fábrica para a não ter de fechar, passou assim a produzir artigos metálicos de uso sanitário e torneiras.

O Sr. Zeferino Artur, afilhado de Zeferino Alves Moreira e casado com sua neta, fundou a empresa com os conhecimentos e experiência adquiridos na fábrica do seu padrinho e nos cursos de formação das Escolas Industriais na época, de onde saíam prontos para o mercado de trabalho profissionais com uma formação teórica acompanhada de professores em disciplinas curriculares, e práticas por mestres especializados em cada uma das diferentes áreas profissionais.

O Sr. Zeferino pessoa afável, de fácil diálogo e conhecedor seguro do que diz, pela experiência adquirida no ramo da metalurgia e, em 2004 com 73 anos, ainda colaborava num regime mais suave com a empresa após já a ter vendido. Actualmente funciona nas mesmas instalações a FASEAL, Lda. acessórios de casa de banho, empresa fundada em 1996.

A informação constante neste artigo foi-nos enviada por José João Peixoto Moura.

Sem comentários:

Enviar um comentário